Press Releases

Especialistas em Ciências e Políticas de Vacinas pedem Transformação do Ecossistema de Pesquisa e Desenvolvimento de Vacinas

WASHINGTON, May 04, 2021 (GLOBE NEWSWIRE) — À medida que o mundo continua a lidar com o impacto significativo da pandemia da COVID-19, a comunidade global enfrenta a necessidade urgente de desenvolver um modelo eficiente, coordenado e sustentável de um ecossistema saudável e funcional de pesquisa e desenvolvimento de vacinas (P&D).

Em um novo relatório, “Powering Vaccine R&D: Opportunities for Transformation” (Empoderamento de Pesquisa e Desenvolvimento de Vacinas: Oportunidades de Transformação) o Sabin-Aspen Vaccine Science & Policy Group usa lições aprendidas com o rápido desenvolvimento de vacinas contra a COVID-19 para explorar oportunidades de reformular as práticas de P&D de vacinas para mais preparo para a próxima pandemia, avançar o progresso contra doenças sem vacinas e estabelecer vacinas de próxima geração que ofereçam melhorias significativas.

“A pandemia de COVID e o rápido desenvolvimento de vacinas para combater o SARS-CoV-2 aumentaram nosso senso de urgência de que chegou a hora de evoluir e reformar o ecossistema de P&D de vacinas com o objetivo de criar um mundo sem de doenças evitáveis por meio de vacinas”, disse Shirley M. Tilghman, PhD, copresidente do Grupo e presidente emérita e professora emérita de Biologia Molecular e Assuntos Públicos da Universidade de Princeton.

“Este relatório reflete o pensamento total do nosso grupo sobre ciência e política de vacinas, desde a inovação contínua no desenvolvimento e implantação de vacinas, através da distribuição equitativa de vacinas em países de baixa e média renda, até a superação da hesitação vacinal e a percepção dos benefícios totais das vacinas para indivíduos, famílias e sociedade”, disse Harvey V. Fineberg, MD, PhD, copresidente do Grupo e presidente da Gordon and Betty Moore Foundation.

Apesar de realizações notáveis nos últimos anos, incluindo as novas plataformas de desenvolvimento de vacinas que permitiram a resposta rápida à COVID-19, os desafios e as barreiras estruturais continuam a retardar o desenvolvimento de vacinas novas e aprimoradas. O relatório concentra-se em cinco “Grandes Ideias” que visam estimular uma abordagem mais eficiente e responsiva a P&D de vacinas:

  • Definição de papéis de liderança, responsabilidades e mecanismos de responsabilização para o preparo para as demandas de P&D que surgem em uma pandemia, incluindo o desenvolvimento de um modelo de liderança que envolva diversas partes interessadas, especialistas e instituições de todo o mundo.
  • Estímulo a um esforço de pesquisa transdisciplinar para a expansão e avanço da ciência de vacinas, incluindo o apoio a uma infraestrutura de pesquisa que crie oportunidades para ideias novas e de alto risco/alta recompensa, uso de lições de outras áreas científicas, que vão desde a química e a física da formulação de vacinas até a base imunológica de proteção, e criação de oportunidades de aprendizagem bidirecional entre a pesquisa focada em pandemias e em doenças endêmicas antigas existentes.
  • Reestruturação da ciência regulatória para refletir os avanços em P&D de vacinas para tornar os ensaios de vacinas mais rápidos, ágeis e mais econômicos, bem como para melhorar a expansão de produtos e a fabricação e a vigilância pós-comercialização.
  • Reformulação de ensaios clínicos para apresentar equidade e eficiência como impulsionadores principais, tendo os países de baixa e média renda como parceiros completos no desenvolvimento de ensaios clínicos em todas as fases.
  • Posicionamento das vacinas como um bem público e alinhamento dos incentivos para que os benefícios sejam aproveitados por todos os setores da sociedade, incluindo um forte impulso para o desenvolvimento ou preservação de políticas e práticas que promovam o compartilhamento de informações e a resolução colaborativa de problemas.

Essas recomendações oferecem a oportunidade de avanço e aceleração do desenvolvimento de vacinas e devem ser uma parte essencial de qualquer esforço de reavaliação e reestruturação do componente de P&D do ecossistema de vacinas/vacinação, um empreendimento particularmente relevante à medida que o mundo continua a abordar e aprender lições com a resposta à COVID-19.

“A rápida geração e distribuição de vacinas eficazes contra a COVID-19 demonstraram a eficiência que pode ser alcançada com a maior colaboração, cooperação e compartilhamento de dados em várias disciplinas contribuintes”, disse Bob Tepper, membro do Grupo e cofundador e parceiro da Third Rock Ventures. “Isso oferece um modelo para o futuro, onde a coordenação mundial dos esforços científicos, clínicos, regulatórios e de distribuição deve ser estabelecida como a nova norma.”

O Sabin-Aspen Vaccine Science & Policy Group é uma parceria que reúne líderes seniores em muitas disciplinas para a avaliação de algumas das questões mais desafiadoras em relação às vacinas e a condução a mudanças impactantes. A reunião do Sabin-Aspen Vaccine Science & Policy Group e sua pesquisa e relatório foram financiados pela Bill & Melinda Gates Foundation e Wellcome Trust.

Sobre o Sabin-Aspen Vaccine Science & Policy Group

O Sabin-Aspen Vaccine Science & Policy Group, uma parceria lançada em 2018 do Sabin Vaccine Institute com o Aspen Institute, reúne líderes seniores em muitas disciplinas para a avaliação de algumas das questões mais desafiadoras em relação às vacinas e a condução a mudanças impactantes. Seus componentes são pensadores influentes, criativos e excepcionais que examinam vigorosamente um único tópico a cada ano e desenvolvem recomendações acionáveis para avanço com ideias inovadoras para o desenvolvimento, distribuição e uso de vacinas, bem como abordagens à imunização com base em evidências e fatores econômicos.

Sobre o Sabin Vaccine Institute

O Sabin Vaccine Institute é um dos principais defensores da expansão do acesso e uso de vacinas em todo o mundo, do avanço da pesquisa e desenvolvimento de vacinas e da ampliação do conhecimento e inovação das vacinas. Revelando o potencial das vacinas através da parceria, o Sabin criou um ecossistema robusto de financiadores, inovadores, implementadores, profissionais, formuladores de políticas e partes interessadas públicas para avançar sua visão de um futuro livre de doenças evitáveis. Como uma organização sem fins lucrativos com mais de duas décadas de experiência, o Sabin está empenhado em encontrar soluções duradouras que levem todos os benefícios das vacinas a todas as pessoas, independentemente de quem sejam ou de onde vivem. No Sabin, acreditamos no poder das vacinas para mudar o mundo. Para mais informação, visite https://www.sabin.org/ e siga-nos no Twitter, @SabinVaccine.

Sobre o Aspen Institute e seu Programa de Saúde, Medicina e Sociedade

O Aspen Institute é uma organização global sem fins lucrativos comprometida com o alcance de uma sociedade livre, justa e equitativa. Fundado em 1949, o Instituto impulsiona a mudança através do diálogo, liderança e ação para ajudar a resolver os desafios mais importantes enfrentados pelos Estados Unidos e pelo mundo. Com sede em Washington, D.C., o Instituto tem um campus em Aspen, Colorado, e uma rede internacional de parceiros.

Fundado em 2005, o Programa de Saúde, Medicina e Sociedade do Aspen Institute reúne grupos influentes de líderes de pensamento, tomadores de decisões e público informado para considerar os desafios de saúde enfrentados pelos EUA no século XXI e identificar soluções práticas para enfrentá-los. Para mais informação, visite https://www.aspeninstitute.org/programs/health-medicine-and-society-program/.

Contato com a Mídia:
Mary Beth Wooden
Vice-Presidente, Comunicações
Sabin Vaccine Institute
+1 (202) 842-5025
press@sabin.org